Select Page
Compartilhe: Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on Twitter0Share on LinkedIn0

Uma das boas formas para se beber sakê é a partir de um bom menu, principalmente se a escolha das comidas também vem da cultura do sol nascente.

Por isso, resolvemos criar uma pequena lista com alguns dos melhores restaurantes japoneses espalhados pelas principais cidades do Brasil, entre espaços tradicionais e modernos. O importante é: boa comida e, é lógico, um belo sakê para acompanhar. Vamos conhecer?

Azumi (Rio de Janeiro, RJ)

restaurante_azumiUm dos mais tradicionais restaurantes japoneses em terras cariocas (daqueles que se tira o sapato antes de entrar), o Azumi fica localizado no bairro de Copacabana. Ele tem à frente da cozinha Isao Ohara e seu filho, Hajime. O cardápio é bem voltado aos clássicos, mas possui algumas criações da dupla de chefs.

Em que outro lugar seria possível provar iguarias fora dos padrões brasileiros, como gafanhotos, larvas de abelha e wasabi curtido? E atenção: o Azumi está quase sempre cheio, então é preciso ter paciência para poder conhecer um dos melhores restaurantes japoneses do Rio.

 

Udon (Belo Horizonte, MG)

restaurante_udonOs mineiros também não ficam atrás quando o assunto é provar iguarias japonesas e beber sakê. O restaurante Udon foi aberto há 8 anos e vem conquistando uma clientela fiel e vários prêmios. O cardápio é variado e, entre as criações da casa, assinadas pelo chef Marcelo San, os destaques são o famoso sushi de foie gras (patê de fígado de ganso) e o tempura de camarão com coco ao molho de caipirinha.

 

Jun Sakamoto (São Paulo, SP)

restaurante_junO sushiman Leonardo Jun Sakamoto é um aclamado chef da culinária japonesa no Brasil. E não por acaso, o seu espaço na capital paulista é considerado um dos melhores restaurantes japoneses, não apenas da cidade, mas do país. No balcão, com vista para a cozinha aberta, sentam-se até 12 pessoas, mas apenas 8 são servidas pessoalmente por Jun, que prepara um menu degustação com 16 peças, um prato quente e uma sobremesa.

O restaurante tem, no total, 34 lugares, bastante disputados. As reservas devem ser feitas com antecedência.

 

Huto (São Paulo, SP)

restaurante_hutoA cidade que abriga a maior colônia japonesa fora do Japão teria que ter mais do que uma opção na nossa lista. Localizado no bairro de Moema, o Huto — assim como o Jun Sakamoto — tem uma estrela no Guia Michelin. E as coincidências entre os dois não param por aí. O dono do Huto, Fabio Yoshinobu Honda, já foi maître do Jun Sakamoto.

A grande pedida desse restaurante japonês, que só abre para o jantar, são os três menus degustação oferecidos pela casa e os tempuras de ovinhos de codorna servidos em ninho de alho poró.

 

New Koto (Brasília, DF)

restaurante_newkotoE vamos terminar a nossa lista com os melhores restaurantes japoneses na capital, Brasília. O New Koto, localizado na 212 Sul, é um considerado um refúgio para quem deseja se sentir no Japão fora de casa. No serviço apenas a la carte, os peixes — sempre elogiados pelo extremo frescor — estão em combinações clássicas. E se for para beber sakê, sem problemas: a casa possui sempre uma seleção de alguns rótulos da bebida.

E então, quais dos restaurantes japoneses da nossa lista você já conhece ou pretende conhecer em breve? Lembre-se de sempre buscar harmonizar a escolha das comidas para poder beber sakê aproveitando todo o universo de aromas e gostos. Não se esqueça também de que, embora os bons restaurantes tenham carta de sakês, a variedade pode se restringir a algumas marcas, dificilmente ultrapassando 20 opções. Na nossa loja virtual são mais de 100 rótulos disponíveis!

Gostou das nossas dicas de hoje? Para sempre receber as melhores notícias sobre o mundo dessa deliciosa bebida, não deixe de curtir a nossa página no Facebook!

Compartilhe: Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on Twitter0Share on LinkedIn0